Como a postura pode melhorar sua produtividade

Postado por Admincursos | 5 de junho de 2017 | Deixe aqui seru comentário

Como a postura pode melhorar sua produtividade

Problemas ergonômicos podem impactar negativamente no trabalho, e você deve fazer de tudo para evitá-los

Se você é daqueles que chega ao trabalho, liga o computador, “deita”na cadeira para fazer suas atividades e encerra o expediente com as tarefas pendentes e, ainda, dores em todo o corpo, é melhor rever a sua postura. E não, não é a postura profissional: é a ergonômica!

A ergonomia impacta positivamente na qualidade de vida, saúde e bem-estar dos trabalhadores. Ela também proporciona um ambiente de trabalho favorável, evitando cansaço, estresse e até mesmo lesões causadas pela má postura. Tudo isso é essencial para aumentar a sua produtividade no trabalho.

As dores musculares causadas por erro posturais são muito frequentes. A Organização Mundial da Saúde estima que 80% da população sofre ou sofrerá com elas em algum momento da vida. Entre os fatores que contribuem para o problema, está o uso incorreto de equipamentos, a utilização excessiva do celular e até mesmo a instabilidade emocional.

Nesses casos, as dores costumam durar até oito semanas, e têm começo, meio e fim. Incômodos que acometem o trabalhador por mais tempo devem ser investigados, principalmente nas mulheres, que tendem a sofrer mais devido a mudanças no corpo e à tripla jornada diária. Com o tempo, o problema pode se transformar em quebra de vértebras, desgastes, desvio da coluna (para as laterais ou para frente), hérnias e enxaquecas.

A palavra “ergonomia” vem do grego “ergon” que significa trabalho, e “nomos” que significa leis.  Ela tornou-se importante após a Segunda Guerra Mundial. Nesse período, notou-se que a segurança, a satisfação e o bem-estar dos trabalhadores garantia um bom proveito dos sistemas produtivos. Atualmente, ela é encarada como uma disciplina científica que busca a adaptação das condições de trabalho às características do ser humano.

A ergonomia no ambiente em que você trabalha é uma norma regulamentada pelo Ministério do Trabalho. A fiscalização dos riscos ergonômicos aumentou em mais de 30% no ano de 2015 em relação ao anterior, mas, mesmo assim, ainda não é aplicada em todas as empresas. São as grandes companhias, como bancos e indústrias, e o setor público, que mais oferecem soluções para a postura dos funcionários.

Hoje em dia, as principais preocupações estão relacionadas a posição dos monitores e das cadeiras em relação à altura dos funcionários, índice de ruídos, iluminação, temperatura do ambiente, entre outros. Algumas empresas oferecem, ainda, formas complementares de ergonomia, como a ginástica laboral, uma série de técnicas de alongamento, respiração, reeducação postural, controle e percepção corporal e compensação dos músculos, praticadas no local de trabalho.

As boas práticas de postura, mesmo quando não são incentivadas pela empresa, jamais devem ser deixadas de lado por você. Confira os motivos e considere realizar um curso de ergonomia e uma visita a um médico do trabalho assim que possível:

MELHORA A POSTURA EM TODOS OS MOMENTOS

Ao adotar a postura adequada enquanto trabalha, você passa a reproduzi-la nos demais momentos da sua vida: para cozinhar, para limpar a casa, para passear com o cachorro, para ler um livro e para pegar um objeto que caiu no chão.

PREVINE AS DOENÇAS OCUPACIONAIS

Sentar corretamente na cadeira, ajustar o monitor na altura dos olhos, manter pernas e braços alinhados e outras atitudes evitam lesões, fadiga, dores crônicas e agudas, como LER (lesões por esforços repetitivos) e DORT (Distúrbios Osteo musculares Relacionados ao Trabalho).

REDUZ O SEDENTARISMO

Percebendo mudanças positivas com a boa postura, você também pode ficar mais disposto a praticar atividades físicas que alinham a postura, aumentam a força muscular e alongam o corpo, além de buscar tratamentos para eliminar problemas, como Tai Chi Chuan, Ioga, RPG e fisioterapia, já que ficar horas na mesma posição é uma atividade não natural.

ATENUA O IMPACTO PSICOLÓGICO DO TRABALHO

Pressão, estresse e fadiga podem causar danos psicológicos que refletem na sua postura. Ao usar corretamente produtos ergonômicos, fazer pausas estratégicas e praticar ginástica laboral, você ajuda a amenizar o cansaço e proporcionam uma dose extra de energia para seguir com as atividades um pouco mais relaxado.

DIMINUI AS FALTAS

Com o bom uso dos equipamentos e técnicas de ergonomia, você terá menos chance de desenvolver complicações de saúde. Dessa forma, você reduzirá as ausências e os afastamentos do local de trabalho, permitindo que suas tarefas sejam concluídas sem interrupções e que os processos sigam normalmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *