Prepare seu empreendimento para as demandas do final do ano

Postado por Admincursos | 26 de outubro de 2015 | Deixe aqui seu comentário

Prepare seu empreendimento para as demandas do final do ano

O fim de ano está chegando e nessa época do ano as demandas do mercado tendem a triplicar. Veja aqui dicas ótimas de como se preparar melhor e aumentar as chances de lucro!

A época de celebração mais esperada do ano está chegando e com ela chega também a grande procura por presentes de Natal, compras de fim de ano, festas, viagens e gastos para o início do próximo ano, época que também pesa e muito no bolso dos brasileiros. Visto que as compras tendem a aumentar nessa época, é preciso saber investir para poder dar conta da alta demanda. Se você possui um empreendimento e ainda não começou a se preparar para a demanda típica de fim de ano que está por vir, é preciso começar a planejar os negócios o quanto antes para não perder a oportunidade de garantir maiores lucros. É muito frequente encontrar varejistas que não se planejaram para a alta demanda e acabarem no prejuízo, cometendo erros e tendo que passar por este período com uma tremenda dor de cabeça. Com um planejamento de comércio e logística, você estará preparado para atender a uma maior demanda e, principalmente se o movimento de seu empreendimento durante o ano tiver deixado a desejar, usar este período exatamente para compensar os prejuízos e garantir mais vendas, além de, com isso, você levantar o nome de seu negócio e conquistar um número maior de consumidores, que com certeza voltarão ao longo do ano.

O primeiro erro bastante cometido por varejistas é prometer prazos de entrega que muitas vezes não estão ao seu alcance, seja por ruptura de estoque, falta de transporte ou separação da mercadoria. Tirando a possibilidade do fornecimento do produto em si, a prestação de serviços deve ser motivo de satisfação por parte do cliente, o que garantirá futuros retornos. Tendo perdido isso, fica muito difícil recuperar a imagem da loja. Um outro erro fatal é não estar acompanhando o fluxo de vendas de acordo com o que tenha sido planejado, analisando a capacidade de entrega e a logística tanto externa quanto interna dos produtos. Junto com esses erros, vem a falta de investimento para o atendimento ao cliente e na inovação. Principalmente em lojas maiores, o número de consumidores tende a triplicar neste período do ano, e, exatamente por essa razão, faz-se necessário abrir novas contratações temporárias de até 3 meses, variando entre novembro e janeiro. É muito comum entrar em uma loja, por maior que ela seja, e, ao ver a fila imensa no caixa, decidirmos ir à outra. Agora, imagine isso se repetindo dezenas ou centenas de vezes numa mesma semana. O investimento em novos profissionais para atender, indicar produtos e efetuar pagamentos no caixa é primordial para garantir maiores lucros. A inovação também é um ótimo chamariz e que sempre funciona nessa época do ano. O investimento em novos produtos, calçados, eletrônicos, promoções de viagem, ofertas relâmpagos, incluindo as empresas alimentícias, atrairá um número muito maior de clientes.

Por último, temos o fluxo de caixa, que é primordial para empresas de qualquer porte, uma vez que ele organiza os gastos e prevê futuros prejuízos, dando a chance visualizar os gastos e recuperar os negócios antes do prejuízo. Um fluxo de caixa deve ser feito, de preferencia, diário ou semanalmente, analisando tudo o que foi gasto, centavo por centavo, e reservando o que sobrou para investir no que realmente importa. Parece óbvio, mas muitas empresas acabam deixando de investir no fim do ano por falta de planejamento ao longo do ano. Através do fluxo de caixa, você poderá, além de saber exatamente quanto e no que o dinheiro foi gasto, prever os gastos ou ganhos dos próximos meses e preparar-se para investir muito mais no final de ano e garantir o sucesso de seus negócios!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *