Por que todo mundo deveria saber um pouco de Relações Públicas?

Postado por Admincursos | 14 de agosto de 2017 | Deixe aqui seu comentário

Por que todo mundo deveria saber um pouco de Relações Públicas?

Muito além de se relacionar bem, a carreira de relações públicas permite desenvolver tanto a organização quanto o profissional

Depois de planejar e colocar no mercado uma empresa, uma organização, um produto ou um serviço, de acordo com uma estratégia eficiente, é preciso gerenciar a comunicação entre eles e o público. Quem faz isso é o profissional das Relações Públicas.

O trabalho de relações públicas recentemente se tornou indispensável, embora a profissão seja regulamentada no Brasil desde 1967. Com a velocidade da internet, pessoas de todo o mundo podem ter acesso rapidamente a diferentes informações sobre uma organização e, se você não cuidar do que está sendo falado, o seu negócio pode ser prejudicado.

O profissional chamado RP se comunica e se relaciona com funcionários, acionistas, imprensa, comunidades, governos, consumidores e seguidores online para garantir que as informações recebidas sejam condizentes com as políticas e os interesses de uma organização. Dessa forma, é possível garantir a integração do discurso e evitar possíveis crises de imagem.

Para atuar na área, é necessário de ter amplo conhecimento sobre os pontos altos e os fatores críticos da instituição em que se trabalha, estar sempre atualizado com as notícias e se adaptar ao uso da tecnologia. Além disso, fazer um curso de relações públicas é primordial pois a certificação é obrigatória. É possível realizá-lo em faculdades ou até mesmo online.

Como o trabalho do RP envolve diversas verticais, é comum que ele seja distribuído por uma equipe ou por agências terceirizadas, como a de marketing, a de assessoria de imprensa, a de redes sociais e outras, sempre com o desafio de manter a comunicação integrada. Muitas vezes, a instituição precisa optar estrategicamente e financeiramente por focar em apenas algumas verticais.

Entretanto, responsabilizar apenas uma parcela dos colaboradores pela imagem positiva e pelo alcance dos stakeholders é um erro que não deve ser cometido. Cada um deve compreender a importância de zelar constantemente dessa área, porque é possível…

Construir relacionamentos

O relacionamento é o grande alicerce das relações públicas, pois, ao contrário do marketing ou da publicidade, todo o trabalho é realizado de forma espontânea, com base no reconhecimento e na confiança que a instituição transmite. O poder das conexões permite influenciar decisões e comportamentos estratégicos de uma organização. Por exemplo: para emplacar uma matéria positiva em um jornal relevante, é preciso ter um bom relacionamento com o jornalista para convencê-lo a “comprar” a pauta. Essa matéria, por sua vez, pode atingir um gestor público disposto a investir na solução divulgada para toda a cidade, gerando um novo relacionamento. Além disso, para a carreira do RP, o networking pode gerar novas e melhores oportunidades de emprego.

Aumentar a rentabilidade

Com estratégias de presença, engajamento e visibilidade principalmente para a comunicação externa, é possível aumentar a rentabilidade da instituição. Há vários fatores envolvidos nessa melhoria. O primeiro deles é a identificação correta dos públicos de interesse e a compreensão de seus pensamentos, suas ações e suas aspirações. Ao participar de uma rede social, por exemplo, a empresa tem a chance de ouvir os usuários e apostar no feedback para reinventar um produto, o que os deixa mais satisfeitos e dispostos a consumir mais. Já em um evento, por exemplo, é possível apresentar esse mesmo produto ao público-alvo, incentivando-os a gostar e adquirir posteriormente. Entretanto, vale a pena lembrar que as estratégias pagas para aumentar a rentabilidade não devem ser descartadas, e sim atuar como complementares do trabalho do RP.

Sair da caixa

Muito do trabalho do RP está relacionado ao raciocínio e à empatia, habilidades que quase não são executadas no seu dia a dia atribulado. Um raciocínio rápido permite aproveitar ao máximo novas oportunidades, pois o timing é um recurso essencial para uma comunicação bem-sucedida. Se você perder o momento certo de se relacionar com o público, dificilmente será possível utilizar a mesma estratégia outra vez. Já a empatia permite enxergar as situações como um todo, muito além da tarefa que você realiza cotidianamente, e, ainda, com os olhos do público-alvo, o que dá uma percepção muito melhor sobre uma ação. Um bônus é que o profissional acaba se tornando muito resiliente, pois a adaptação, a criatividade e o otimismo são características que naturalmente surgirão com esse trabalho.

Prolongar o seu negócio

Em tempos em que as mudanças não param de acontecer, é essencial assimilar as novidades e se adaptar para manter o seu negócio ativo por muito mais tempo. Atualmente, as transformações são pautadas por afinidades e gostos pessoais cada vez mais nichados, que, se não forem acompanhados com atenção, fará uma organização se distanciar de seus stakeholders e perder espaço perante concorrentes bem preparados. Embora mudem os meios, as plataformas e o tipo de endereçamento das mensagens, a forma única e exclusiva de se adequar a relações cada vez mais humanas é uma tarefa que faz parte das obrigações do profissional das relações públicas.

Blog Cursos 24 Horas

Aqui no Blog você fica por dentro do universo do Cursos 24horas, além de novidades e tendências para o seu estudo.

Conheça os nossos cursos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *