O que faz um assistente social, descubra tudo sobre esta profissão

Postado por Admincursos | 24 de junho de 2019 | Deixe aqui seu comentário

O que faz um assistente social, descubra tudo sobre esta profissão

Se você gosta de ajudar pessoas e promover seu bem-estar em diversos âmbitos, esta é a profissão ideal

Qualidade de vida é um ponto que deveria ser comum para todos. Porém, infelizmente, isso nem sempre acontece, já que alguns indivíduos são desprovidos dos cuidados e direitos essenciais, e a situação está diretamente relacionada com o que faz um assistente social.

Muito se ouve falar a respeito desta profissão, embora nem todas as pessoas saibam exatamente quais são suas atribuições e importância para que a sociedade seja digna e justa com todos os seus participantes.

Vamos entender melhor quais são as responsabilidades deste profissional e porque ele é tão importante para que as pessoas se sintam bem e, assim, o mundo se torne em um lugar melhor para todos.

O que faz um assistente social?

Resumidamente, ele busca atuar em prol do bem-estar social, físico e psicológico das pessoas. Sua contribuição é bem completa e pode, literalmente, melhorar a sociedade em suas diferentes esferas.

Sob um aspecto mais amplo, sua função é a de analisar, criar, gerenciar e atuar em planos, projetos e iniciativas que têm como objetivo assegurar os direitos da população e seu desfrute de saúde, educação, segurança, habitação, cultura e os demais direitos de todo cidadão.

Pertencente à área das Ciências Humanas, os profissionais possuem conhecimentos em sociologia, filosofia, política e economia, entre outras, todas essenciais para o desempenho de suas funções.

Quem busca saber o que um assistente social faz, deve entender que ele tem como objetivo atuar em todas as etapas que envolvem projetos e políticas sociais, desde sua ideia e planejamento até a execução e análise de resultados.

A preocupação de tais profissionais é observar e ponderar, de maneira crítica, os problemas sociais que atingem as pessoas e, então, agir de modo que possa eliminá-los e criar uma sociedade igualitária e justa para todos.

Pessoas de todas as idades podem ser atendidas por assistentes sociais, desde bebês e crianças até adultos e idosos, já que os problemas da sociedade podem acometer jovens e idosos praticamente na mesma proporção.

As funções do assistente social são variadas e fazem com que ele possa prestar seus serviços em diferentes áreas, da educação à saúde, além da ajuda a crianças e adolescentes e da atuação em empresas de diferentes portes e segmentos.

De acordo com dados disponibilizados pelo Conselho Federal de Serviço Social (CFESS), o número de assistentes sociais no Brasil é de aproximadamente 180 mil, o qual pode ser explicado tanto pela grande população do país quanto pelas situações de desigualdade que infelizmente afligem a sociedade.

É interessante ressaltar que, ainda de acordo com o CFESS, o Brasil é o segundo país no mundo com maior número de assistentes sociais, perdendo apenas para os Estados Unidos.

Onde um assistente social pode trabalhar?

Tanto no setor público quanto privado, embora a demanda no primeiro seja mais intensa do que no segundo.

Por saber o que um assistente social faz, muitas organizações não governamentais (ONGs) procuram por seus serviços, já que a área de atuação é perfeitamente alinhada com o que fazem.

Ainda que haja grande variedade nas ONGs, o objetivo de ajudar é comum, e os conhecimentos obtidos através do estudo dos assistentes sociais os coloca como integrantes fundamentais de tais entidades.

Escolas, hospitais, órgãos administrativos, conselhos de direitos e redes assistenciais governamentais estão entre as outras oportunidades para tais profissionais.

Também existe a demanda por seus serviços no setor privado, pois isso o torna um profissional especial para essas necessidades, tanto pela versatilidade quanto pelo prazer e interesse em ajudar o próximo.

Faculdades, escolas particulares, creches, sindicatos e hospitais estão entre as áreas que podem requerer seus serviços, bem como em empresas de variados portes e segmentos, principalmente aquelas que possuem programas e projetos assistenciais.

Veja também: O assistente social a favor da sociedade

Assistente social conversando com uma pessoa

Quem é um bom candidato para atuar com assistência social?

O principal requisito é gostar de pessoas. Afinal, é com elas que tais profissionais precisarão lidar todos os dias, sempre em prol de buscar o que há de melhor para elas, ou seja, qualidade e afinidade em relacionamentos interpessoais são características fundamentais.

Por ser uma área bastante teórica, também é indicado que os candidatos gostem de ler, pois se depararão com uma série de assuntos, de política a economia, de sociologia a filosofia.

Quem quer fazer do mundo um lugar melhor conseguirá compreender perfeitamente o que faz um assistente social e, consequentemente, tem tudo para se tornar um profissional exemplar, o qual poderá atuar no setor público ou privado e influenciar diretamente na qualidade de vida de centenas ou até milhares de pessoas.

Saiba mais: Tem o desejo de mudar as desigualdades econômicas e culturais? Torne-se um assistente social

Como se tornar um assistente social?

Para poder atuar legalmente na área, é preciso concluir o ensino superior em Serviço Social, o que habilita os candidatos a optarem pelo ramo com o qual se identificam mais.

Este é um curso cujos estudos se desenvolvem quase que inteiramente na parte teórica, já que é preciso aprender sobre antropologia, psicologia, direito, ciências sociais e outros assuntos que demandam boas leituras.

Existe também a parte prática, que geralmente consiste em visitas a locais que prestam serviços de assistência social, além do estágio, cujo cumprimento é obrigatório para a obtenção do diploma.

Assim como acontece em outras áreas de ensino, pode ser difícil optar por um curso superior sem saber exatamente o que faz um assistente social. Felizmente, é possível experimentar como isso funciona antes de tomar a decisão.

Para tal, basta se inscrever em um curso de assistente social de caráter profissionalizante, que tem 50 horas e traz aos interessados conteúdos indispensáveis para atuar na área, o qual também pode ser feito por quem já tenha se formado e queira lapidar seus conhecimentos.

No curso, é possível aprender o que faz um assistente social na prática, qual é seu conceito, quais habilidades são importantes, como é o mercado de trabalho e quais são as principais áreas de atuação, entre outros assuntos.

Depois de aprender sobre essa profissão tão importante, caso tenha se interessado, aproveite a oportunidade e inscreva-se em um curso de assistente social, que está entre os cursos online com maior procura. Assim, você poderá ajudar o mundo a ser um lugar mais justo e agradável para todos!

 

Conheça nosso Curso de Assistente Social por apenas R$ 45,00 – Sem Mensalidades!

 

Blog Cursos 24 Horas

Aqui no Blog você fica por dentro do universo do Cursos 24horas, além de novidades e tendências para o seu estudo.

Conheça os nossos cursos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *